ConcertinoPortal de pesquisa da música clássica

Os mais famosos compositores da linha do tempo

CANTATA WIR DANKEN DIR, GOTT, WIR DANKEN DIR , BWV 29

Última modificação : Sexta, 13 Setembro 2013 16:33


JOHANN SEBASTIAN BACH  (1685-1750)

ALEMÃO – ERA BARROCA - 972 OBRAS 


WIR DANKEN DIR, GOTT, WIR DANKEN DIR (We thank you, God, we thank you), BWV 29 


Esta cantata foi escrita para a eleição do novo conselho de Leipzig, em 1731 e apresentada ao público em 27 de agosto desse mesmo ano. A instrumentação reflete a ocasião festiva para a qual foi composta: soprano, alto, tenor e baixo; coral a 4 vozes; solo de órgão e orquestra formada por 2 oboés, 3 trompetes, tímpano, violinos, violas e baixo contínuo. Essa obra é formada por 8 movimentos: 


         Sinfonia – um arranjo do prelúdio em  mi maior de Bach, partita para solo de violino. Um solo de órgão toca a parte original do violino, enquanto a orquestra faz o acompanhamento:

         “Wir danken dir, Gott, wir danken dir” – foi mais tarde adaptada como “Gratias e Dona Nobis”, da Missa em si menor de Bach. O texto é tirado do salmo 75

         “Halleluja, Stärk und Macht” (Halleluja, strength and might) – tenor acompanhado por solo de violino e baixo contínuo

         “Gottlob! Es geht uns wohl!” (Praise God! It is well for us!) -  recitativo por solo de baixo

         “Gedenk an uns mit deiner Liebe” (Consider us with your love) – aria para soprano em ritmo siciliano, acompanhado por oboé, cordas e baixo contínuo

         “Vergib es ferner nicht, mit deiner Hand”  (Do not forget later, with your hand) – recitativo cantado pelo alto com o final “Amen” cantado pelo coro

         “Halleluja, Stärk und Macht” (Halleluja, power and might) -  repetição da primeira parte da ária do tenor, agora com solo de órgão, cantada pelo alto“Sei Lob und Preis mit Ehren” (Glory and praise with honor be) – é a quinta versão coral de Johann Gramann, cantada e tocada por todo o grupo.


Vídeo